15maio
freelancer

Freelancer: Dicas para criar um site responsivo e com bom SEO para seus clientes

Por: Rafael H. maio 15, 2017

Para ter um bom site na internet não é apenas criá-lo e colocá-lo no ar. Ele vai muito além disso. Um site que está sempre a frente nas buscas foi desenvolvido com muita técnica e pensado seriamente para que chegue até o cliente.

Você, freelancer, que quer atingir seus clientes com o melhor que se pode desenvolver, já sabe que precisa entender sobre um site responsivo e SEO. Por isso, esses dois recursos são muito utilizados para impulsionar o número de visitantes e expandir o tráfego orgânico dos sites. Mas de fato como fazer isso acontecer? Confira nossas dicas abaixo e entenda tudo como você pode aplicar no site do seu cliente.

Entendendo sobre SEO?

Como você já deve saber o SEO significa Seo Engine Optimization, basicamente é uma “engenharia” utilizada para otimizar as informações dos sites e ficarem mais fáceis de serem encontrados nos sites de busca. Veja um exemplo: diversos sites escrevem sobre o bolo de chocolate certo? Mas como o site do Pedro que escreveu a melhor receita de chocolate do mundo pode chegar até o topo das buscas orgânicas? Por meio do SEO. Se o SEO não existisse, seria praticamente impossível encontrarmos o site do Pedro falando sobre o melhor bolo de chocolate. Abaixo segue algumas dicas de como você pode aplicar o SEO no site do seu cliente.  

Antes de começar a aplicar o SEO no site, você precisa saber como ele está posicionado nos sites de busca. Para isso, você pode utilizar o Search Console.

Como maior site de buscas online, o Google será seu principal direcionamento para saber como o site está posicionado no ranqueamento orgânico. Portanto, com a utilização do Search Console, você poderá: analisar a quantidade de cliques na página, receber alertas de erros críticos ou problemas referentes ao site e testar se o Google consegue entender o conteúdo publicado. Muito bacana não é?

Entenda como fazer no passo a passo abaixo:

  1. Basta só você colocar o site do seu cliente no Search Console no campo PROPRIEDADE;
  2. Fazer upload de um arquivo HTML para o site;
  3. Faça o download do arquivo de verificação HTML (este link é o site que vai te passar e é só baixar depois);
  4. Feito isso, envie o arquivo para o site, por exemplo: “www.seusite.com.br”;
  5. Confirme que o arquivo foi enviado com êxito acessando “www.seusite.com.br/ CÓDIGO GOOGLE” no seu navegador (o próprio Search Console que vai te passar o endereço para você copiar no navegador;
  6. Clique no botão VERIFICAR e pronto! Você terá todos os resultados que precisa.

Agora, após realizar esta etapa, você saberá como aplicar o SEO no site. Siga as dicas abaixo e veja como é possível manter o site no topo das listas de busca.

Como aplicar SEO no meu site?

Com a maneira certa da aplicação do SEO, o site poderá mostrar resultados significativos nas buscas. De acordo com uma pesquisa realizada pela consultoria TNS Research International, mais de 90% das pessoas que finalizam uma compra pesquisam na internet antes de finalizar o pedido. E isso só mostra o quanto é importante se manter bem posicionado no Google. Assim, continue lendo este artigo e compreenda as principais ferramentas que você pode utilizar no site.

Palavras-chave

O que são as palavras-chave? Todo conteúdo publicado foi antes pensado num tema ou assunto. Dentro deste texto, imagem publicada ou até um vídeo, está incutida uma ideia principal para reter a atenção do visitante na página. Essa é que é a palavra-chave.

A partir dessa ideia, as palavras-chave são de extrema importância para que o visitante chegue até seu cliente. Digamos que você e seu cliente publicou um texto explicando a importância de realizar a troca de óleo nos veículos. As palavras-chave para este texto em específico serão: óleo + troca + veículo. Serão essas palavras que estarão em destaque no texto e numa certa quantidade repetida também, em torno de 3% da informação postada.

Uma ferramenta que vai ajudar você a descobrir se as palavras-chave que você utilizou são adequadas, é o Google Keywords Tool. Ele funciona como um “planejador” de palavras para você usar. Ao colocar as palavras nessa ferramenta, ele mostrará resultados de volume de buscas no Google, ajudando a compreender se as palavras que está usando no site são de interesse dos usuários.

Títulos e subtítulos

Títulos e subtítulos atraentes também vão despertar interesse das pessoas para clicarem no site do seu cliente. E claro que você deve colocar as palavras-chave neles, pois é dessa forma que vai deixar mais evidente a intenção para o conteúdo postado, e mais um motivo para melhorar o SEO do seu site.

Vejamos um exemplo de bom título e subtítulo:

TÍTULO: 10 DICAS PARA ESCOLHER A MELHOR CÂMERA FOTOGRÁFICA

SUBTÍTULO: MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO DAS PRINCIPAIS CÂMERAS FOTOGRÁFICAS DO MERCADO

No exemplo acima você pode perceber que foram utilizadas as palavras “CÂMERA” FOTOGRÁFICA”, mais de uma vez. Dessa forma, o SEO reconhece que esses termos serão os mais pesquisados pelos usuários, colocando este texto acima nas pesquisas.

Tags e links

Tags e links também são importantes para identificar temas e assuntos no texto. Os links auxiliam o visitante a não precisar sair da sua página para realizar a pesquisa em outro site de busca, por exemplo. E no caso das tags, é para auxiliar o SEO a aproximar o tema do seu texto no que o usuário for procurar nos sites de busca.

Muitas plataformas de sites e blogs já possuem campos específicos para inserir as tags, geralmente é no campo de edição de texto (postagem do conteúdo). Ao encontrar este espaço, é só colocar uma palavra por vez utilizando as vírgulas para separá-las.

Conteúdo atrativo

O Google possui um sistema de identificação de conteúdos relevantes. Ele consegue encontrar em meio a tantos sites, quais possuem maior autenticidade e que corresponde com mais exatidão o conteúdo pesquisado pelo usuário.

Portanto, tornar o conteúdo publicado sempre rico em informações, dizendo o que o título e o subtítulo propõem, só vai auxiliar o Google a mantê-lo entre os primeiros na busca.

Google Analytics

Agora o site está ficando grande! Depois de certo tempo utilizando as técnicas de SEO, você precisa entender se ele está crescendo e obtendo bons resultados nas buscas. E é para isso que o Google Analytics serve.

Na página inicial da ferramenta você poderá encontrar uma visão geral de como anda o site, como por exemplo, a quantidade de visitantes no site naquele instante e por quanto tempo ele se manteve online buscando informações na sua página.

Numa próxima etapa os tipos de tráfego, tempo no site categorizado por país, e nas redes sociais. Este último item é muito interessante, pois você também irá descobrir se numa rede social específica, o site está passando a informação da melhor maneira, pois intuitivamente o seu visitante poderá ser encaminhado ao site por meio daquela publicidade ou informação que foi publicada lá.

Enfim, o Google Analytics é o melhor recurso que você pode utilizar para saber sobre vários canais, relatórios detalhados, resultados precisos e se o SEO está trazendo os resultados que você esperava ao site. Uma boa forma de acompanhamento que você freelancer pode indicar ao seu cliente.

O que é um site responsivo?

Um site responsivo é aquele que se ajusta em qualquer tipo de aparelho. Possuir um site responsivo é garantir que o visitante da página tenha  a melhor experiência em navegação dentro do seu site. Nos sites responsivos, além de se adequar a diversos tamanhos de telas nos dispositivos, abrirá em diversas plataformas sem lentidão e erros de configuração dos tamanhos (colunas, imagens, publicidade, etc.).

Portanto, a palavra que mais se encaixa é adaptação. Tanto as pessoas estão em constante forma de adaptação aos novos dispositivos móveis, quanto o conteúdo que elas pretendem ler e acompanhar por meio deles.

freelancer2

Como tornar o site responsivo?

Vários criadores de sites e plataformas já vem com o layout pré programado para tornar o “encaixe perfeito” do site nos diversos dispositivos.  

Uma das dicas que os programadores de sites usam para tornar o site responsivo é manter o layout do site limpo. Mas o que isso significa? É fazer os códigos das páginas mais simples possível, evitando exageros desnecessários. Abaixo são algumas das linhas de comando que devem ser evitados:

  • Div’s desnecessários;
  • Estilos CSS inlines (use sempre arquivos externos);
  • JS ou arquivos Flash sem fallback;
  • Position absolute ou posicionamentos float desnecessários;
  • Códigos redundantes ou códigos que não são 100% úteis.

Conclusão

Como você pôde perceber, tornar um site responsivo e com um bom SEO farão toda diferença no crescimento do site do seu cliente. Juntos eles podem aumentar consideravelmente a visibilidade nos sites de busca e consequentemente mudar a característica de um site pequeno para um site muito procurado. Esperamos que com essas dicas o seu cliente possa ter um site de sucesso na internet.

Trackback URL: https://www.weblink.com.br/blog/freelancer-2/freelancer-dicas-para-criar-um-site-responsivo-e-com-bom-seo-para-seus-clientes/trackback/

Deixar resposta:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *